Apresentador Rodrigo Bocardi é criticado pela OAB

O jornalista Rodrigo Bocardi, atual apresentador do “Bom Dia São Paulo”, foi criticado pela Ordem dos Advogados do Brasil e de São Paulo(OAB-SP) após um comentário ao vivo feito por ele. Ao noticiar o caso do vendedor ambulante que foi morto após ser espancado no metrô da capital de São Paulo, Bocardi sugeriu que o advogado de defesa dos acusados “deveria ser preso”, visto que o profissional se negou a entrega-los.

Em nota, a OAB-SP comentou a atitude do jornalista: “É lamentável registrarmos que, no clima de tensão já estabelecido em torno da morte violenta de um vendedor ambulante no Metrô de São Paulo que vem causando justa indignação e comoção social, o jornalista Rodrigo Bocardi faça comentário infeliz sobre o comportamento do advogado que defende os acusados”, expressa o comunicado. “Em um momento de insensatez, o apresentador do telejornal sugere que o profissional “deveria ser preso”, pois sabia do paradeiro dos acusados e se negou a entregá-los. Os dois agressores já estão presos. A Seção São Paulo da Ordem dos Advogados do Brasil repudia de forma veemente esse comentário”.

A nota ainda diz que, além disso, “cometeria falta ética se o advogado denunciasse aquele que o procura, como parece pretender o comentarista, por quebrar relação de confiança indispensável para que todos, mesmo aquele a quem é atribuído um crime absurdo de ódio como ocorre nesse caso, possa exercer seu direito de defesa”, completou.

A assessoria de Imprensa da Rede Globo não comentou o caso.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...