Baixista do grupo Cidade Negra é condenado por agredir a mulher

Após assistir uma reportagem na TV, Marcele Simeão, que foi casada com Bino Farias, baixista do Cidade Negra, decidiu contar que foi agredida por ele, durante os 17 anos de casamento. Com informações do colunista Leo Dias.

“Foram 17 anos de agressões físicas, psicológicas e patrimoniais. Eu espero que o meu depoimento possa auxiliar principalmente na prevenção de casos como o meu. O meu desejo é que outras mulheres e suas famílias não carreguem as mesmas marcas de violência”, desabafa Marcele.

Uma ameaça de morte do músico em 2014 fez com que fosse aberta a última ocorrência que deu origem a um processo, e a separação definitiva do casal.

No último dia 26, o juiz André Luiz Cidra, do juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher da Comarca de Niterói, concluiu a condenação a dois anos de serviços comunitários, no montante de sete horas semanais, e comparecimento mensal ao juízo no primeiro ano e bimestral no segundo. Além disso, o músico vai ter que pagar as custas judiciais e poderia ter sido condenado a um mês e cinco dias de detenção se não fosse réu primário.

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...