Isabella Koppel recorda tempo em que gravava Totalmente Demais: “Saudades de todo mundo”

Isabella Koppel é a a voz de Laura do filme "Logan" nos cinemas.

Não há quem negue realmente que apesar desse fato ser cada vez mas real para os dias de hoje, eles realmente nos impressionam, tanto talento para uma menina de apenas 11 anos que só nesse tempinho já integrou o elenco das novelas “Os Dez Mandamentos”, sucesso de público da Rede Record e “Totalmente Demais” da Rede Globo em que viveu Dayse, irmã de Marina Ruy Barbosa. Mas a carreira de Isabella Koppel não se resume apenas na televisão, também é possível ouvi-la dublando sucessos como “Snoopy e Charlie Brown: Peanuts – O Filme”, “Milagres do Paraíso”, “Animais Fantásticos e onde Habitam”, “O Lar das Crianças Peculiares”, “Alice Através do Espelho” e mais recentemente a voz da personagem Laura do filme “Logan” do diretor James Mangold.

Porém Isabella continua sempre se mostrando uma menina típica, que brinca, se diverte, estuda e principalmente dedicada e feliz.

A equipe do Minuto Livre bateu um papo com a atriz e revela um pouco mais de como são os bastidores da vida da menina.
Em “Os Dez Mandamentos” você fez a personagem Miriã. A cena que talvez mais chamou atenção na mídia foi a que você teve que cantar em hebraico. Como foi a preparação para essa cena? Precisou fazer aulas de idioma durante as gravações?
Muita gente não sabe, mas sou de origem judaica, estudei em escola judaica e na época aprendia hebraico. Canto eu faço desde os 5 anos. Então não foi difícil aprender o hebraico antigo porque eu já tinha noção da língua. Não foi difícil ganhar a emoção da cena também porque eu conhecia bem a história. Mas tive uma preparação com a Marcela professora de canto e com o Daniel Figueiredo também. Gravei a musica, mas pedi pra Viviane, diretora para cantar na hora da cena, ela deixou e deu tudo certo. Foi cantado ao vivo. Também amo muito essa cena.
Na novela “Totalmente Demais”, saiu uma reportagem no Ego sobre sua relação com os outros famosos do elenco como os protagonistas Fábio Assunção e Felipe Simas, sem contar que você interpretou a irmã de Marina Ruy Barbosa na trama. Como foi sua experiência nos bastidores da novela? Tem saudades?
Em Totalmente a gente era uma família mesmo. Me dei bem com todo mundo! Com os atores, diretores que amei também, produção. Que saudades de todo mundo! Foi incrível!

Apesar da idade, você já é figura conhecida no cenário carioca principalmente. Como é ter que fazer malabarismo entre os  trabalhos como atriz, escola e ainda por cima manter sua vida social em dia? Sobra tempo para tudo?
Olha, eu tenho tempo para tudo. Para estudar, brincar, gravar. Eu só gravo depois da escola, então dá tudo certo. E como eu amo tudo isso, para mim não e trabalho, é diversão.
Para o futuro, você planeja continuar seguindo sempre a carreira artística ou já passou na cabeça outros planos?
Sim, sim, sim! Quero ser atriz, cantora e dubladora. Amo tudo isso e tenho certeza absoluta que é isso mesmo que eu quero para a vida toda. Se Deus quiser é claro.
Em 2015, você emprestou pela primeira vez a sua voz para a personagem Frieda no filme “Snoopy e Charlie Brow: Peanuts – O Filme”, como foi a experiência de entrar nas salas de cinema e ouvir sua própria voz no filme? É um pouco estranho a sensação?
Snoopy foi o meu primeiro longa que eu dublei. Depois vieram outros: Milagres do Paraíso, Animais Fantásticos, O Lar das Crianças Peculiares, Alice Através do Espelho e agora fui a Laura em Logan. Eu amo dublar. Acho estranho quando assisto. É legal ouvir a nossa voz na boca do personagem. É engraçado.
Ainda sobre o filme, você já foi reconhecida pela voz por algum fã?
Não nunca!
De onde surgiu a vontade de se tornar atriz profissionalmente? Como aconteceu o início?
Minha irmã fazia aula de teatro, comecei a ver e gostar. Entrei, fiz algumas peças do curso, depois fiz “Aventura na Neve” que ficou em cartaz por alguns meses e fez muito sucesso. Lá eu fui vista e me chamaram para fazer o teste da Record. Nunca mais parei de fazer aulas de teatro, canto, interpretação.
Você acha que decido a sua irmã mais velha, a Juliana Koppel, também ser atriz, acha que ela teve algum tipo de influência para que você decidisse se dedicar ao trabalho de atriz?
Sim claro. Minha irmã é minha diva. Ela me influência em muita coisa. Claro que se eu não gostar não vou fazer né?

Você já trabalhou tanto em televisão como em teatro, na sua opinião, qual é a principal diferença entre o palco e as câmeras? Um exige mais que o outro?
Teatro e muito gostoso porque a gente sabe se as pessoas estão gostando ali na hora. Da frio na barriga porque não dá para errar. Mas eu amo. Televisão e diferente, gosto de saber muito sobre a personagem. A Dayse por exemplo eu conheci uma família muito parecida, quis saber dela, tentava me inspirar. E muito gostoso ver o personagem ali ganhando vida.
Entre Instagram, Twitter e Facebook. Qual é a sua rede favorita que você usa e por que?
Hoje amo o Musical-ly , fico o dia todo fazendo se deixar. Gosto do insta também, porque lá eu tenho as minhas fãs que são as melhores do mundo, amo muito. O Face eu uso menos.

Em relação aos seus fãs, como você considera a sua relação com eles? Você costuma interagir com eles?
Ai meu deus, amo muito as minhas fãs! De verdade! Meu sonho era fazer uma festa e convidar todas. Cantar para elas! Muitas moram muito longe, mas um dia vou conhecer todas pessoalmente.
Quando está fora da correria do seu trabalho, quais são seus passatempos favoritos de fazer no dia-a-dia?
Eu amo brincar de boneca, fazer papinhas com corante, farinha, tinta. Amo também ficar uma hora me maquiando. Então faço um pouco de cada.
Em que atriz ou ator você mais busca inspiração para fazer suas cenas?
Então, na verdade eu procuro aprender com os atores que estão em cena comigo. Todos me ensinaram muito! Muito! Mas me inspiro mesmo em alguém que acho que se parece com a personagem.
Deixe uma mensagem para seus fãs e para quem te acompanha.
Uma mensagem? Siga seu sonho! Acredite! Siga o seu coração! Quando alguma coisa não sai do jeito que eu gostaria, eu penso: Deus e as pessoas que me amam que estão lá em cima cuidando de mim não me deixou fazer o que eu queria. Então não fico triste. Sempre acho que algo melhor está vindo. Eu acredito sempre que meus sonhos vão se realizar!

Acredite também nos seus!

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...