Sabrina Sato chega atrasada e desfila sem costeiro de penas

Sabrina Sato preocupou os torcedores da Gaviões, da Fiel, escola que desfilou na madrugada deste sábado (25), em São Paulo. A artista só conseguiu chegar a sua posição frente a bateria, 15 minutos antes do desfile começar.

O problema ocorreu entre sua saída do hotel e a chegada no Sambódromo do Anhembi. Devido ao atraso, Sabrina precisou desfilar sem seu costeiro de seis mil penas, acessório que ela almejava usar. Em entrevista ao site “Ego”, a irmã e empresaria da artista explicou o ocorrido.

“Pela primeira vez, falaram para ela vir de carro do hotel para o Sambódromo. Se fosse a pé, dava tempo. A Sabrina saiu do hotel tranquila porque estava com tempo se fosse para vir a pé”, contou ela, que acredita que a escola não perderá pontos devido ao atraso.

À publicação, Sabrina também comentou o ocorrido. Me deixaram esperando no hotel, falaram que a escola ia entrar 3h50. Uma hora falei para gente ir andando, mas disseram que tava em tempo e que iríamos de carro. Na hora que eu tava no carro eu comecei a ouvir o samba e sai correndo. Não deu tempo de colocar o costeiro, mas tudo bem”, finalizou.

Sabrina Sato (Foto: Rafael Cusato / Ego)
Sabrina Sato (Foto: Rafael Cusato / Ego)

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...