Thaíde diz sentir pena de pessoas preconceituosas: “Enquanto tentam nos parar, só estamos indo mais longe”

No Ritmo Brasil deste sábado, dia 05/08, tem a presença de Altair Gonçalves, mais conhecido como ‘Thaíde’, é um rapper, compositor, apresentador e ator brasileiro.

Sucesso nos anos 1980 e 1990, ele participa e, além de relembrar o início de sua carreira, debate com com Faa Morena a representação da raça negra no meio artístico. “Não vejo negros em muitos comerciais, por exemplo. E se de repente eu tive a oportunidade de representar essa camada da população, peguei com unhas e dentes e não porque estou fazendo a minha, mas sim por estar representando toda uma nação que passa despercebida muitas vezes”, comenta.

Ainda sobre o assunto, ele classifica o preconceito como uma “atitude covarde” e revela ter piedade de pessoas que disseminam o ódio: “Tenho muita dó porque enquanto elas tentam nos parar, só estamos indo mais longe e com mais força”.

Atualmente apresentando “A Liga”, Thaíde confessa que a fama aumentou desde que entrou na atração. “As pessoas me reconhecem no país inteiro por conta do programa”, diz. Apesar da alta popularidade, ele não se ilude e mantém sempre os pés no chão: “É preciso tomar muito cuidado com a mídia e a fama. Se você não estiver bem preparado psicologicamente, a mesma vaidade que te levanta, serve também para te derrubar”.

Em junho deste ano, o cantor lançou seu novo disco, chamado “Vamo Que Vamo, Que o Som Não Pode Parar”, no qual contou com a ajuda de grandes nomes como Marcelo D2 e Black Alien, visando resgatar suas raízes.

Ainda na atração, a apresentadora recebe o cantor sertanejo Léo Magalhães e o grupo Dose Certa para um bate-papo intimista e descontraído.

E tudo isso você pode conferir a partir das 18h30, na RedeTV!

você pode gostar também Mais do autor

Comentários

Carregando...