Morre MC apoiador de Bolsonaro; Presidente lamenta

Morreu no último sábado (01) o músico Tales Volpi, mais conhecido como MC Reaça. O cantor tinha 26 anos de idade, e a causa da morte não foi revelada. O anúncio foi feito por meio de uma nota na página oficial do MC no facebook.

“Venho aqui comunicar a partida de um herói. Tales Volpi, o Mc Reaça. Ele queria mudar esse país e fez a sua parte com todo talento, sabedoria e humildade. Ele está nos braços do Pai”, expressa a nota.

Reaça era um forte apoiador do presidente Jair Bolsonaro, e fez várias paródias com músicas que defendiam a eleição do então candidato à presidência.

Bolsonaro se manifestou na sua conta oficial do twitter dizendo: “Tales Volpi, conhecido como Mc Reaça, nos deixou no dia de ontem. Tinha o sonho de mudar o país e apostou em meu nome por meio de seu grande talento. Será lembrado pelo dom, pela humildade e por seu amor pelo Brasil. Que Deus o conforte juntamente com seus familiares e amigos”.

Uma das paródias que mais fez sucesso foi a que o MC fez com a música “Baile de Favela”, a transformando em “Proibidão Bolsonaro”. Parte da letra dizia: “Dou pra CUT pão com mortadela / E pras feministas ração na tigela / As minas de direita são as top mais belas / Enquanto as de esquerda têm mais pelo que as cadelas”.

Veja a seguir o clipe da música:

 

 

Cláudio Augusto

Sobre Cláudio Augusto

Me chamo Claudio Augusto, tenho 22 anos e sou jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pelos laboratórios de programas da Rádio Universitária da UFG e estágio na editoria do programa Jornal do Campo, da TV Anhanguera de Goiânia.

Ver todas as mensagens de Cláudio Augusto →

Deixe uma resposta