Namorada de Rafael Miguel, ator de Chiquititas, era vítima de relacionamento abusivo com o pai

Isabela Tibcherani, namorada de Rafael Miguel, morto ontem, vivia um relacionamento abusivo com o pai, Paulo Cupertino Matias, o principal suspeito do crime.

Ao que tudo indica, a jovem mantinha o namoro com Rafael às escondidas, porque o pai era totalmente contra a relação.

O jornalista da Record TV Luiz Bacci trouxe as primeiras informações sobre o crime, e descreveu Paulo Cupertino Matias como uma pessoa temida e possessiva: “O namoro proibido era controlado de perto por Paulo Cupertino Matias. Um homem possessivo e temido por toda família e amigos. Ele fugiu após ter atirado. Estou fazendo esse post aqui para me solidarizar com Isabela que é tão vítima quanto os que morreram”.

E Isabela não escondia o medo e pressão que sofria do pai, tanto que escrevia sobre sua relação com ele sempre nas redes sociais. Veja alguns relatos dela:

“Uma coisa eu peço para todos: se decidirem ser pai/mãe se comprometam de corpo e alma a amar e cuidar dos seus filhos. Amor e proteção cura, a falta dos mesmos destrói”.

“Ser chamada de burra pelo pai não tem preço, hein. Delícia de agressão psicológica”.

Vale lembrar que Rafael Miguel foi morto na tarde de ontem (09) na casa da namorada. Ele foi com os pais para conversar sobre o namoro, mas o progenitor de sua namorada não quis dialogar e acabou atirando e matando não só o ator, como também seus pais.

Cláudio Augusto

Sobre Cláudio Augusto

Me chamo Claudio Augusto, tenho 22 anos e sou jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pelos laboratórios de programas da Rádio Universitária da UFG e estágio na editoria do programa Jornal do Campo, da TV Anhanguera de Goiânia.

Ver todas as mensagens de Cláudio Augusto →

Deixe uma resposta