Netflix pretende arrecadar valor bilionário para se manter a frente na guerra pelo streaming


A Netflix deseja investir mais dinheiro para se manter no topo da guerra pelo streaming. A companhia divulgou na segunda-feira (21) a venda de US$ 2 bilhões em títulos. De acordo com a empresa, tais ativos podem ser usados de diversas formas, incluindo compra, produção e desenvolvimento de conteúdo. Os títulos são em euro e dólar e não podem ser comprados novamente de volta.

A empresa atravessa um momento de preocupação, uma vez que concorrentes grandes estão entrando no mercado. Entretanto, a Netflix registrou ganhos acima do esperado, o que auxiliou a segurar os ânimos de seus investidores.

A venda de títulos funciona como uma espécie de empréstimo, com duração de perto de 10 anos neste caso. De acordo com fontes próximas à negociação, a Netflix pode estar negociando uma taxa de 4,25% para pagar este investimento. De acordo com relatório da empresa, o terceiro trimestre do ano foi de investimentos na casa de US$ 551 milhões, embora a plataforma esteja rumando vagarosamente para a situação de caixa positivo.

A Netflix também afirmou que pretende investir US$ 3,5 bilhões em conteúdos neste ano, exatamente para conseguir bater rivais que estão entrando no mercado, como a Disney, Apple e AT&T.

A medida de venda de títulos já é uma estratégia antiga da empresa. De acordo com a Bloomberg, ela acumula dívidas de US$ 13,5 bilhões desde que entrou no mercado em 2009. A companhia emite os títulos sempre no primeiro e terceiro trimestres do ano, respectivamente abril e outubro. No começo de 2019, a companhia tomou US$ 2,24 bilhões para financiar conteúdos.

Fonte: Bloomberg