Neymar será investigado por publicar fotos íntimas de mulher que o acusa de estupro

E a novela sobre o caso do possível estupro de Neymar continua. Após publicar prints mostrando uma conversa que teve com a moça que o acusa, com fotos íntimas dela, o jogador será investigado pela polícia civil do Rio de Janeiro.

Além das fotografias, Neymar disse que tem vídeos da mulher, porém não mostrou. A exposição aconteceu durante um vídeo que o atleta lançou na conta de seu instagram se defendendo das acusações.

Quem irá conduzir a investigação será a Delegacia de Repressão aos crimes de informática (DRCI).

A divulgação de Neymar se enquadra no artigo 218-C do código penal, que diz que “oferecer, trocar, disponibilizar, transmitir, vender ou expor à venda, distribuir, publicar ou divulgar, por qualquer meio – inclusive por meio de comunicação de massa ou sistema de informática ou telemática -, fotografia, vídeo ou outro registro audiovisual que contenha cena de estupro ou de estupro de vulnerável ou que faça apologia ou induza a sua prática, ou, sem o consentimento da vítima, cena de sexo, nudez ou pornografia”. A pena para esse tipo de crime pode chegar a cinco anos de cadeia.

Cláudio Augusto

Sobre Cláudio Augusto

Me chamo Claudio Augusto, tenho 22 anos e sou jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pelos laboratórios de programas da Rádio Universitária da UFG e estágio na editoria do programa Jornal do Campo, da TV Anhanguera de Goiânia.

Ver todas as mensagens de Cláudio Augusto →

Deixe uma resposta