Você sabia que o Nubank pode cancelar o cartão de alguns usuários sem aviso prévio? Confira


O Nubank poderá bloquear e até cancelar o cartão de crédito de alguns usuários, que se valem de artifícios bem específicos na hora de quitar a fatura. Em especial, aqueles clientes que utilizam carteiras digitais para, de certa forma, adiar o pagamento da conta relativa à fatura do roxinho.

Carteiras digitais como PicPay, Mercado Pago ou RecargaPay, por exemplo, vêm sendo utilizadas constantemente por alguns clientes do Nubank, como forma de pagar o débito da fatura do cartão de crédito.

As tais carteiras digitais funcionam como uma espécie de carteira “comum” (onde se guardam cédulas de dinheiro, cartões, moedas…), mas, desse modo, o recurso é eletrônico.

Elas permitem que os usuários façam transações apenas aproximando o dispositivo smart (celular ou tablet). Para isso, basta adicionar o cartão de débito ou crédito, verificar os estabelecimentos que aceitam essa modalidade de pagamento, aproximar o dispositivo e pagar.

Também dá para pagar boletos e outras demais contas com o seu uso.

No caso do pagamento da fatura do cartão de crédito utilizando o recurso tecnológico, o que acontece é que o débito teoricamente é quitado com o próprio limite do cartão. E é aqui que se instala o problema.

Débito maior na fatura e pagamento nunca feito

Essa prática resulta em um débito ainda maior na fatura. Ou seja, o pagamento efetuado com o limite do próprio cartão (valendo-se das carteiras digitais) fará apenas com que a fatura seja protelada.

Como consequência, o débito nunca realmente será quitado; será apenas inserido na fatura posterior como valor de compra.

Essa questão fez com a fintech viesse a público e se posicionasse de maneira contundente. Inclusive, ameaçando bloquear ou até mesmo cancelar o cartão de crédito dos que estão utilizando desse artifício.

“[…] esse uso poderá ser considerado indevido e acarretar no bloqueio ou cancelamento do cartão”, afirmou o Nubank.

Evitando problemas com a fintech

Para evitar o bloqueio ou até mesmo o cancelamento do cartão de crédito do Nubank, a recomendação é simples: não faça esse tipo de prática.

Vale ainda relembrar de que a empresa não condenou o uso das carteiras digitais. No entanto, a dica é usa-las para fins diferentes.

“É possível utilizar as carteiras digitais para pagamentos de contas de consumo, como boletos de água, luz e telefone, por exemplo”, disse o comunicado da fintech.

Agora, para quem é adepto das carteiras digitais, vale a dica para não ser surpreendido por um bloqueio ou mesmo por um cancelamento do cartão de crédito.

Fonte: Diário Prime